CLIQUE AQUI para pedir seu livro GEOGLIFOS GAÚCHOS com frete grátis* pra todo o Brasil

CLIQUE AQUI para pedir seu livro GEOGLIFOS GAÚCHOS com frete grátis* pra todo o Brasil
R$ 29,90 cada -*Informe-se sobre as condições da promoção - www.facebook.com/geoglifosgauchos

quarta-feira, 22 de setembro de 2010

Homenagem a Ivanilda Portella Farias (06/01/1936 - 01/12/1984)


É com muito orgulho que reproduzo aqui dois trabalhos da minha tia-avó Ivanilda Portella Farias, neta de Francisco de Paula Farias e irmã de meu avô paterno: uma pintura representando uma paisagem, feita em 1965; e um desenho que é um autoretrato, de 1982. As telas hoje estão com seu irmão, Flávio Portella Farias.



Ivanilda nasceu em Pedro Osório no dia 06 de janeiro de 1936, localidade vizinha de Cerrito, onde seu pai Osvaldo Farias e sua mãe Aurora Portella Farias eram proprietários de um matadouro/charqueada/salsicharia. Seu filho Paulo Luís Farias Fernandes de Barros, que nos dias de hoje atua como médico no município de Iraí (RS), conta que "Ela tinha o primeiro grau incompleto, penso que a 5a. série, como a maioria dos tios. Mas trabalhou de 1966 a 1984 como restauradora. Me criei no meio de tintas, cimento, gesso, formas, telas e muita tinta à óleo... Ela também pintava quadros".

Museu da baronesa antes da restauração realizada na década de 1980 (Acervo do Museu )



Também de acordo com o primo Paulo: "A mãe trabalhou restaurando as estátuas da Baronesa, que por sinal ainda estão lá, de soldados romanos e outras, se não me engano foi o Adail Bento Costa que na época tinha contratado os serviços dela. Foi um dos últimos trabalhos dela, em 1984". Ivanilda Portella Farias faleceu em Pelotas/RS no dia 1o de dezembro desse mesmo ano.

Veja mais fotos das estátuas que adornam a faichada do Museu da Baronesa:













Nenhum comentário:

Postar um comentário