CLIQUE AQUI para pedir seu livro GEOGLIFOS GAÚCHOS com frete grátis* pra todo o Brasil

CLIQUE AQUI para pedir seu livro GEOGLIFOS GAÚCHOS com frete grátis* pra todo o Brasil
R$ 29,90 cada -*Informe-se sobre as condições da promoção - www.facebook.com/geoglifosgauchos

quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

Carreteiro de churrasco


Todos (ou quase todos) os Farias são carnívoros por natureza, por tradição familiar melhor dizendo. E, como todo bom comedor de carne, adoram um churrasco. Mas é normal que sobrem alguns pedaços de carne que na hora ninguém comeu. O que fazer com eles? Carreteiro de churrasco! Saiba como fazer:


Pique a carne bovina, ovina, suína, salsichão, o que tiver, tudo junto (e, se houver, pode-se adicionar pedacinhos de charque, bacon, linguiça, etc), tirando fora os ossos. Coloque na panela junto com cebola e pimentão picado. Frite tudo e adicione o arroz.


Esse carreteiro eu temperei, além do sal que já havia na carne de churrasco e nos pedacinhos de charque, com chimi-churry uruguaio e com pimenta. Coloquei também de um pouco de alho e mais um pouco de sal, pra não ficar insosso.


Depois é só colocar o dobro de água do que foi colocado de arroz, cozinhar mais um pouco, agora em fogo bédio-baixo e colocando os pedaços de tomate picado e um pouco de molho de tomate pra dar uma corzinha no carreteiro.



Quando a água desaparecer da superfície, é só desligar e deixar o arroz secar mais uns minutinhos. E está pronto o carreteiro de churrasco.


Aqui foi usada a batata palha como acompanhamento, mas o mais comum é a farinha de mandioca. O feijão também fica sempre muito bom junto com qualquer prato que envolva arroz, principalmente a feijoada com charque. Mas aí já é outra receita...

Fotos e texto de Bruno Farias

Nenhum comentário:

Postar um comentário